Ministério da Saúde promove levantamento sobre serviços de reabilitação que estão em condições de atender bebes com Microcefalia.

O Ministério da Saúde lançou em dezembro de 2015 o Plano Nacional de Enfrentamento à Microcefalia, estabelecendo estratégias de ações diante do aumento da prevalência da microcefalia no Brasil. Para tanto, a Coordenação Geral de Saúde da Pessoa com Deficiência mobiliza ministérios e órgãos do Governo Federal, em parceria com estados, municípios e sociedade civil para diversas ações de vigilância e de atuação à saúde, realizando um diagnóstico da atual capacidade instalada de serviços que possam ser ofertados no território nacional.

Uma destas ações é organizar os serviços de reabilitação para garantir a estimulação precoce dos bebês com microcefalia e/ou que apresentem sinais de atraso de desenvolvimento neuropsicomotor. Mas para que o bebê e a família recebam este atendimento, esta coordenação está realizado o levantamento das instituições de todo o Brasil que possam oferecer o referido atendimento, através do cadastramento da entidade no link  abaixo assinalado:

http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=23954

Solicitamos a todas as APAEs do Paraná e do Brasil que possuem o Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde (CNES) que realizem o preenchimento da ficha cadastral cujo o link está em destaque acima.

Gostaríamos de salientar a importância de que todas as APAEs façam o download da cartilha  intitulada  DIRETRIZES DE ESTIMULAÇÃO PRECOCE Crianças de zero a 3 anos com Atraso no Desenvolvimento Neuropsicomotor Decorrente de Microcefalia, que normatiza o protocolo de atendimento da criança com Microcefalia e/ou que apresentem sinais de atraso de desenvolvimento neuropsicomotor.

Para mais informações ligue (41) 9972.0321. PRAZO – 29 DE FEVEREIRO DE 2016.

Fonte: Marketing Federação das Apaes do Estado do Paraná

Leave a Reply